domingo, 27 de setembro de 2009

Um suspiro doce =)

No inicio era o vazio, apenas o vazio. Não havia ninguém para eu conversar, nem mesmo nada para admirar, mas um dia tive um sonho. Sonhei com lugares verdes e dias molhados... acordei me sentindo estranho, tão só e tão frio.

Mas a escuridão era tamanha que nem minhas próprias mãos eu conseguia enxergar.

Ascenda a luz! – eu disse. Em um piscar de olhos a luz apareceu, mas assim como veio foi se esvaindo para só voltar no dia seguinte.


Durante a nova escuridão, à qual chamei de noite, pinguei pelo caminho pequenas luzes para não voltar a viver nas trevas.


Ficou tão bonito! Com receio estiquei as pernas e fui caminhar aqui ou ali naquela nova dimensão.

Não mais voltei. Me perdi no universo das cores, letras e canções.

Agora eu sou mais um louco errante em busca de emoções... São tantas emoções!(XD).



Quero ir
Quero um pouco
Espera

Quero ir
Pela primavera
Quero ir
Seu pensar já era

Quero ir
Quero quero quero
Quero quero quero
Quero ir

O sol daqui é pouco
O ar é quase nada
A rua não tem fim
Eu volto prá Bahia
Ou para Cachoeiro de Itapemirim
Raul Seixas - Quero ir

6 comentários:

Amanda O. disse...

Uma foto-novela! hihi Adorei!

Debby disse...

[teal]por que 17?

=] gostei do texto o/

^-^

Debby disse...

"[teal]", tinha acabado de responder os recados do orkut, por isso o vício XD

Debby disse...

ah! e na verdade estava em busca dos 117 XD

e agora 417 =D

daygrint disse...

poxa e vc tirou os "17" ¬¬
me deixou falando só >.<

*by Debby

HBMS disse...

auhauehuaheua
depois de muuuito tempo eu entendi o '17' XDD

(dois anos depois lol)